menu
 
 

REN

Comunicados Comunicados
Comunicados

Media

‹ VOLTAR

Lucros da REN atingem os 70.6M€ com EBITDA a crescer 11.1%

  • EBITDA avança para 261.7M€
  • Resultado Líquido ascende a 34.5 M€ (+3.4%), face ao 1S de 2011

A REN alcançou lucros de 70,6 milhões de euros no primeiro semestre (1S) de 2012, um crescimento de 3.4%, face ao mesmo período de 2011. Destaque ainda para uma melhoria significativa do EBITDA, que atingiu os 261,7 milhões de euros, um aumento de 11,1% face ao 1S de 2011.

A contribuir positivamente para os resultados operacionais da REN esteve o aumento da taxa de crescimento dos ativos e da respetiva taxa de remuneração, bem como os ganhos de eficiência ao nível dos custos operacionais.

O resultado financeiro foi de -67,2 milhões de euros, um agravamento de 45,3% face ao semestre homólogo, influenciado pela subida da dívida e do seu custo médio. A contribuir negativamente esteve o repricing das obrigações REN 2013 em Dezembro de 2011, em virtude das perdas de rating sofridas por Portugal ao longo de 2011.

O nível de investimento no 1S 2012 foi de 74,9 milhões de euros, registando uma diminuição de 46,4% face ao 1S 2011, uma vez que os grandes projetos em curso estão concentrados no 2S de 2012.

Na eletricidade, de realçar neste primeiro semestre de 2012, a conclusão da compra de 7,5% do capital social da empresa Hidroeléctrica de Cahora Bassa em Moçambique e das obras em curso nas linhas entre Marateca e a Subestação de Fanhões, com cerca de 90 quilómetros de comprimento e que materializam a terceira travessia do Tejo com o reforço da segurança da rede na área da Grande Lisboa e Península de Setúbal.

No gás natural, destaque para a conclusão das obras de expansão do Terminal de GNL em Sines, durante o mês de Junho.

Para Rui Cartaxo, Presidente da REN, "os resultados do primeiro semestre mostram a capacidade da REN em ter um desempenho sólido, mesmo num contexto adverso".