menu
 
 

REN

A Autoridade de Gestão do Programa Operacional da Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos aprovou a candidatura da REN - Rede Eléctrica Nacional, S.A, ("REN") no âmbito da realização das infraestruturas da rede de transporte de eletricidade para receção de energias renováveis marinhas ao largo de Viana do Castelo.

O apoio financeiro aprovado no valor máximo de 30 M€ destina-se a suportar, em regime de cofinanciamento, os custos de investimento com a instalação de um cabo submarino no mar territorial continental português, ao largo de Viana do Castelo, numa extensão de aproximadamente 17 km (que já se encontra em serviço desde o final de 2019) e de um posto de corte no Porto de Viana do Castelo, este atualmente em construção. Estas infraestruturas, preparadas para serem operadas a 150 kV, são as primeiras desta natureza em Portugal a poderem funcionar em muito alta tensão, e permitem a integração no Sistema Elétrico Nacional de centrais até uma potência total de 200 MVA.

Este projeto e correspondente cofinanciamento surgem no âmbito da política energética nacional, que visa o aproveitamento do potencial renovável oceânico para a produção de eletricidade e promoção do desenvolvimento de novas tecnologias de produção especialmente concebidas para as condições do mar territorial. Neste quadro, destaca-se a ligação, já verificada em 2019, do primeiro projeto de um centro electroprodutor a partir de energia eólica, o "Windfloat Atlantic", pioneiro a nível mundial, que visa a exploração do recurso eólico em águas profundas.

Este projeto da Rede Nacional de Transporte operada pela REN assume especial importância estratégica para o país e para a região de Viana do Castelo, abrindo um novo campo de exploração dos recursos energéticos endógenos sustentáveis no mar, em plena observância dos objetivos nacionais e comunitários de descarbonização da economia e de redução da dependência energética, contribuindo para as metas de produção de eletricidade a partir de fontes de energia renovável e para a redução de emissão de gases com efeito de estufa.

Consulte aqui a Ficha do Projeto


Imprimir